Ok, quase aconteceu uma das coisas que eu mais tenho medo: ser assaltada. “Graças” ao meu reflexo Scarface eu não fui, mas sério que fiquei mais assustada com minha reação do que com o quase assalto.

Hoje resolvi fazer minha hora de descanso no trabalho das 20h às 21h, que é horário que posso ir para casa e assistir House. Quando estava na esquina do meu apartamento me aparece um maloqueiro, diz que é um assalto e para eu passar o dinheiro. Porém, eu não tinha dinheiro na bolsa. só dois celulares, um caderno e meu blot. O que eu fiz? empurrei o cara e o chamei de filho da puta. simples assim. a sorte, mas sorte mesmo, é que o cara era um maloqueiro chapado (oops, pleonasmo. sorry) e quando eu o empurrei tirou o dele de reta e saiu andando em direção da rua. eu sai meio que correndinho e continuei o xingando (uma coisa do tipo “vai assaltar sua mãe”). cheguei com o coração na boca no meu apartamento e desabafei para a porteira. ela riu, é claro, mas assim que eu entrei no elevador comecei a chorar. e agora, depois de uma hora do acontecido, ainda me pergunto: como assim eu empurro uma pessoa que tenta me assaltar? como eu xingo o maloqueiro de filho da puta? e se ele tem uma arma? uma faca? e se ele fosse um assaltante “sério”? eu só sei que agora não ando mais de bolsa e vou pedir para alguém me acompanhar. o big boss (porque eu liguei para ele assim que cheguei em casa) disse para eu ir por uma outra avenida e deixar minhas coisas no trabalho. eu só espero que ninguém tente me assaltar de novo ou que eu não queira bancar o Tony Montana de calcinha. ps:- perdi House porque esqueci de ligar a TV (também, né?).

Anúncios