You are currently browsing the monthly archive for maio 2009.

Estava conversando com minha amiga sobre nossa vida profissional FAIL. Ela ainda tem um freela por aí, eu tô pagando para ver se arrumo alguma coisa. Começamos a falar sobre profissões num âmbito geral, daí o assunto descambou para filho. A culpa foi minha, admito. Eu disse: “ano que vem faço 25, nessa idade minha vó já tava no 4° filho HAHHA nao sei se agradeço pela evolução ou se choro”. (adendo: feministas, me poupem, era piada. obrigada).

Ela meio que se desesperou porque já fez 25. Então tentei consertar o que disse, porque de fato não é nada desesperador. Eu me preocupo pelo fato de depender da minha mãe ainda, acho uma vergonha mesmo. Mas isso é mal da nossa geração.. minha mãe dava aula de inglês com 17 anos e pagava os livros dela, e eu fazia o que nessa idade? Pedia para ela comprar o DVD do Marilyn Manson ou assinar o papel para eu fazer minha tatuagem. NÉ. Voltando ao lance de “encalhada”, só se sente assim quem quer, a mulherada hoje em dia tá casando e tendo filho bem mais tarde. Bláblá clichê, satc é nóis.

Acho melhor mesmo, sabe o que quer e faz o que bem entende. Eu, por exemplo, só vou ter filho quando não achar que a papinha da Nestlé é um absurdo de caro.

Olá, venho por deste, avisar que fiz um tumblr. E o que isso significa? que este blog está indo pro limbo. Mas também não é de hoje, néam? Pode ser que eu esteja equivocada, pois fiquei viciada no we heart it e hoje em dia nem entro mais. De repente esqueço do Tumblr e volto a postar aqui como antigamente. Whatever.


Então, eu adoro andar por Ctba, é sempre um freak show. gosto disso. Qual cidade você encontra um ônibus 666 – Novo Mundo? E pombas loucas que adoram dar rasantes, e cagam na cabeça do seu Zacarias? Sem contar o Oil Man, entre outras atrações da XV. E ainda faz frio, <3. Portanto, linda cidade, seja boazinha e me dê um emprego. gradicida.

Dica do mês: Escutem esse rapaz. Um preview aqui.

isso é amor, Fellini e Mastroianni rodando 8 ¹/²:

521249105_b608828c87

foto daqui.

Estava lendo um post da Patricia sobre o Personare. Nunca comentei sobre esse grande site de astrologia brasileiro. João Bidu se borra de inveja. Tinha uma época que eu sabia bem essas coisas de signo, até tatuei o símbolo do meu (pode rir, i don’t care – erro e não nego, não vou apagar nem quando puder. nem fazer cover up, porque sim). Mas, né? Você vai envelhecendo e percebe que num é bem assim. Eu sou libra com ascendente em escorpião e mais um em libra. Pergunte ao Oscar Quiroga se isso presta.

Enfim, atire a primeira pedra quem não recebe essa merda de personare no e-mail ou lê o signo no jornal. Acho interessante nesse personare que ele é todo de querer ser BFF. Por exemplo:

(…) se você não tomar cuidado, Letícia, se perceberá tão somente vítima de pensamentos obsessivos e negativos demais neste período.

Íntimo, né? Tô vendo que daqui uns dias vem: “O período _____ envolve a passagem do planeta Mercúrio pela oitava casa do seu mapa de nascimento, Lê. Fo-deu, te cuida rapaaaaz.”

Ultimamente eu só ‘absorvo’ quando vem coisa boa. Vê se eu preciso receber por e-mail que o tempo tá difícil. Num me diga. Hoje veio:

(…) mas pode também ser um momento de confronto, em que dolorosamente alguém lhe enfia o dedo na ferida.

Vou deixar avisado aqui, quem quer que seja, não enfie o dedo na minha ferida. obrigada.

(mais um post sem final coerente)

C’est Letícia

a

Blog Stats

  • 68,595 hits
maio 2009
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031